Close

Aborto, um direito? Candidata a Miss Peru dá resposta retumbante em favor da vida!

Ela recebeu muitas mensagens de apoio e gratidão via redes sociais pela coragem de defender a vida inocente

A jovem peruana Jessica McFarlane tem 26 anos de idade, é modelo, concorreu ao título de Miss Peru 2017 e deu uma resposta retumbante em favor da vida quando lhe perguntaram se uma mulher vítima de estupro teria o direito de abortar.

Quem lhe fez esta pergunta em 29 de outubro, dia do concurso no país andino, foi Débora de Souza, a Miss Peru do ano de 1993:

“No caso lamentável de uma mulher que fosse vítima de estupro, ela tem o direito de abortar?”
Jessica foi clara: não! Para ela, a primeira coisa que uma mulher deveria fazer ao engravidar em decorrência de um estupro “é procurar ajuda” e ser “muito forte”.

“Eu não acredito que o aborto seja uma solução, porque provoca traumas subsequentes, não só psicológicos, mas também físicos”.

A jovem recebeu mensagens de apoio e gratidão em seu perfil oficial do Facebook. Algumas delas:

 

“Olá Jessica, estou escrevendo para parabenizar você pela coragem de defender a vida e dizer não ao aborto. Isso mostra que você não é só bonita por fora, mas também por dentro. Continue sendo corajosa para defender a vida. Para muitos, você é a vencedora! Deus abençoe você e guie os seus passos”.

 

“Jessica, obrigado pelas suas palavras corajosas e claras (durante o Miss Peru 2017) em favor da vida numa sociedade complacente diante da ameaça aos mais indefesos. Hoje você representa milhares de nós que procuram a saúde integral do ser humano. Como diz o provérbio, a boca fala do que o coração está cheio. Você foi a melhor!”

 

Precedente

 

Em junho de 2014, a Miss Pensilvânia e candidata a Miss Estados Unidos Valerie Gatto revelou que foi concebida em um estupro.

Este episódio trágico na vida de sua mãe, no entanto, lhe deu coragem para transformar o horror em sentido de vida – para a mãe e para ela própria. Valerie declarou na época ao site Today.com:

“Eu acredito que Deus me colocou aqui por um motivo: para inspirar as pessoas, para encorajá-las, para lhes dar a esperança de que tudo é possível e que você não pode deixar que essas circunstâncias definam a sua vida”.

 

Fonte: Aleteia
A partir de matéria da ACI Digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *